ROSEMBERG AZEVEDO É O NOVO PRESIDENTE DA UNIDOS DA PONTE


Salve, salve!

Ele é nascido e criado na Baixada Fluminense. Articulado, boa praça, esbanja simpatia e movimenta a cena cultural do município há cerca de 30 anos. Esse é o resumo da trajetória de Rosemberg Azevedo, mais conhecido como ‘Berg’. Além de fundar e comandar a administração do GRES Matriz de São João durante quatro anos, encabeçou a organização dos tradicionais blocos Unidos da Galeria e o Bloco das Piranhas, que há décadas arrastam centenas de foliões no carnaval da baixada .É uma das figuras mais populares do município e assume a presidência da escola de samba mais tradicional de São João de Meriti.

‘Berg’ é o sucessor de Gustavo Barros – membro da LIESB – que esteve à frente da agremiação durante dois anos. Neste período implementou uma gestão eficiente, livrando a azul e branco de dívidas e resgatando uma escola com muita vontade de crescer e brilhar na Sapucaí novamente. Agora o novo presidente dará continuidade ao processo e já começou sua administração com muita atitude.“Hoje a nossa grande aposta é na localidade da quadra que terá uma segunda sede no Centro do município de São João de Meriti. Queremos que as pessoas venham até nós e para que isso aconteça é estratégico ter uma quadra no Centro, de fácil acesso e próximo ao metrô da Pavuna. Queremos que todos saibam que a Ponte está mais viva do que nunca,” afirma o atual presidente Rosemberg Azevedo.

É provável que a diretoria da escola atravesse uma fase de mudanças e novas contratações sejam feitas. De acordo com ‘Berg’, o foco, desde já, é no planejamento e formação de uma diretoria cada vez mais competente e bem entrosada. “Não estou embarcando nessa para perder. Vamos trabalhar para a formação de um time forte, comprometido e coeso. Daqui pra frente o nosso lema é trabalhar com organização, antecipação, comprometimento e muita disciplina para dar continuidade a esse processo de resgate da escola,” explica o novo dirigente.

O novo presidente reconhece que o desfile de 2017, no qual a escola conquistou o 8º lugar, teve um papel importante no sentido de avaliar quais são as falhas, os acertos e quais pontos precisam ser melhorados. “Esse carnaval por exemplo, foi na garra e no suor, as escolas tiveram uma verba pequena, bem menor do que a quantia que receberam nos anos anteriores. O próximo carnaval ainda é uma incógnita, entretanto, acredito que para uma boa administração o ideal é ter sempre um olhar crítico, aprender com os erros e, assim, aprimorar o trabalho,” conclui ‘Berg’.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s