MUNDO DO SAMBA CONHECE A ORDEM DOS DESFILES DO GRUPO ESPECIAL DO RIO EM 2018


Salve, salve!

As escolas de samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro conheceram na noite do último sábado, 15, a ordem dos desfiles para o carnaval 2018. Realizado no encerramento da 4ª edição do Carnavália Sambacon, a feira de negócios e debates do carnaval brasileiro. O evento contou com representantes das 13 escolas filiadas à Liesa e que irão compor a elite do carnaval carioca no ano que vem.

Dois momentos chamaram atenção pela proximidade dos números durante a divisão de dias e pelo bom humor com que foram conduzidos pelos representantes das agremiações. No sorteio entre os pares de Mangueira e Beija-Flor, o presidente da Verde e Rosa, Chiquinho da Mangueira, foi ao globo de sorteio e tirou a bola de número 9. Como as bolas do globo são enumeradas de 1 a 10, restava apenas a bola 10 para a Deusa da Passarela. E foi exatamente isso que aconteceu. A Azul e Branca ficou com a bola maior e optou pela segunda-feira.

O outro caso curioso ocorreu no sorteio de pares entre Imperatriz Leopoldinense e Unidos de Vila Isabel. O presidente gresilense, Luiz Pacheco Drummond, foi ao globo de sorteio e sacou a bola de número 3. Pouco tempo depois, o representante da Vila foi ao globo e tirou a bolinha de número 2. O momento gerou gargalhadas na plateia presente e foi encarado com bom humor, principalmente pelo presidente da Imperatriz, que optou pela segunda-feira.

Veja abaixo a ordem dos desfiles do Grupo Especial do Rio de Janeiro em 2018:

Domingo

1 – Império Serrano
2 – São Clemente
3 – Unidos de Vila Isabel
4 – Paraíso do Tuiuti
5 – Acadêmicos do Grande Rio
6 – Estação Primeira de Mangueira
7 – Mocidade Independente de Padre Miguel

Segunda-feira

1 – Unidos da Tijuca
2 – Portela
3 – União da Ilha do Governador
4 – Acadêmicos do Salgueiro
5 – Imperatriz Leopoldinense
6 – Beija-Flor

Após o sorteio, a equipe do Marquês da Folia ouviu os representantes das atuais campeãs do carnaval (Portela e Mocidade). O presidente da Azul e Branca, Luis Carlos Magalhães, comentou que independente do fato da escola ser a segunda agremiação a pisar na Avenida na segunda-feira de carnaval, a principal vontade era a de escapar do domingo de carnaval.

– O nosso maior desejo era desfilar na segunda-feira e foi o que a gente conseguiu no sorteio. É claro que o nosso anseio maior era fechar o desfile de segunda, encerrar o carnaval, mas vamos como a segunda de segunda com a mesma vontade e buscando fazer um grande carnaval.

Vice-presidente da Mocidade Independente, Rodrigo Pacheco, claro, preferia desfilar na segunda-feira. Mas não escondeu que ficou feliz com a troca com o Tuiuti, que permitiu que a Mocidade feche a primeira noite de desfiles, já no começo da manhã da segunda-feira de carnaval.

– Nós queríamos a segunda, mas sorteio é assim. Pegamos um número menor que a Portela e fomos para o domingo. Fiquei feliz que a Tuiuti aceitou fazer essa troca, que nos favorece com relação a concentração e era o nosso desejo, fechar o desfile. Não foi na segunda, mas será no domingo.

por Antônio Junior

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s