MISAILIDIS SOBRE O ENREDO DA BEIJA-FLOR: “A SOCIEDADE ENCONTRA A TRADUÇÃO PARA ENTENDER NOSSOS DRAMAS”


Salve, salve!

A Beija-Flor de Nilópolis pretende lançar um grande grito de alerta contra práticas nocivas à nossa sociedade no Carnaval 2018. O enredo “Monstro é aquele que não sabe amar! Os Filhos abandonados da Pátria que os Pariu”  será desenvolvido pelo comissão de carnaval da agremiação a partir da ideia inicial de Marcelo Misailidis, coreógrafo da comissão de frente da escola.

– Frankstein é uma obra que foi inscrita há 200 anos e traduz com muita profundidade a realidade e a utilização desmedida da vaidade intelectual, além da ambição desgovernada. Neste momento a sociedade do Brasil encontra a tradução mais apropriada para entender os dramas sociais que afetam a nossa cidade – sintetiza.

A comissão de carnaval é formada por Laíla, Cid Carvalho, Victor Santos, Rodrigo Pacheco e Léo Mídia. A disputa de samba é aberta.

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s