COM APAGÃO NA QUADRA E FINAL NA VILA OLÍMPICA, PARCERIA DE XANDE DE PILARES VENCE NO SALGUEIRO


Salve, salve!

Cotada como favorita desde o início da disputa, a parceria de Xande de Pilares confirmou as expectativas e venceu a disputa de samba do Salgueiro e será a responsável por levar o desfile salgueirense no carnaval 2018.

A final, porém, teve uma situação inusitada. Pouco depois de 1h, um transformador apresentou problemas em uma das ruas no entorno da Academia do Samba, e a energia na parte interna da quadra caiu. Após mais de duas horas sem energia, o Salgueiro teve de improvisar a apresentação dos sambas finalistas no campo da Vila Olímpica, anexo a quadra. Com um dos carros de som utilizados nos ensaios técnicos, as parcerias se apresentaram.

A de Rafa Hetch foi a primeira e fez uma apresentação digna de final de samba. Com Pixulé como intérprete da obra, o samba teve um excelente desempenho e contou com o apoio da presidente do Salgueiro, Regina Celi, e de alguns segmentos da escola nesta que foi a primeira disputa desta parceria. Regina foi brincar ao lado da torcida e mostrou que, mesmo sem a vitória, a obra obteve aprovação de parte da comunidade.

Logo depois, foi a vez da parceria de Antônio Gonzaga. Contando com um carro de som poderoso, com Tinga, Marquinhos Art Samba e Arthur Franco, a parceria levou um grande contingente de torcida e fez uma apresentação regular na quadra da Vila Olímpica. Os segmentos não demonstraram apoio ao longo da apresentação, que teve como destaques o bom rendimento nos refrões e o desempenho dos intérpretes.

A parceria campeã foi a última a se apresentar. Também com grande contingente de torcida é um carro de som de respeito, com Emerson Dias, Xande de Pilares, Leozinho Nunes e Luizinho Andanças, o samba teve um rendimento muito bom e contou novamente com o apoio de alguns segmentos e da presidente Regina. O favoritismo, aumentado especialmente na final por conta da eliminação do samba 22 (Marcelo Motta e cia), foi confirmado e pouco depois das 4h30 o anúncio foi feito.

Confira o Samba 2018 do Salgueiro:

Compositores: Xande de Pilares, Demá Chagas, Dudu Botelho, Renato Galante, Jassa, Leonardo Gallo, Betinho de Pilares, Vanderley Sena, Ralfe Ribeiro e W Corrêa.

Senhoras do ventre do mundo inteiro
A luz no caminho do meu Salgueiro
A me guiar…Vermelha inspiração
Faz misturar ao branco nesse chão
Na força do seu ritual sagrado
Riqueza ancestral
Deusa raiz africana
Bendita ela é… E traz no axé um canto de amor
Magia pra quem tem fé
Na gira que me criou

É MÃE É MULHER A MÃO GUARDIÃ
CALOR QUE AFAGA PODER QUE ASSOLA
NO VALE DO NILO A LUZ DA MANHÃ
A FILHA DE ZAMBI NAS TERRAS DE ANGOLA

Guerreira feiticeira general contra o invasor
A dona dos saberes confirmando seu valor

ECOOU NO QUARITERÊ
O SANGUE É MALÊ EM SÃO SALVADOR

Oh matriarca desse cafundó
A preta que me faz um cafuné
Ama de leite do senhor
A tia que me ensinou a comer doce na colher
A benção mãe baiana rezadeira
Em minha vida seu legado de amor
Liberdade é resistência
E à luz da consciência
A alma não tem cor

FIRMA O TAMBOR PRA RAINHA DO TERREIRO
É NEGRITUDE … SALGUEIRO
HERANÇA QUE VEM DE LÁ
NA GINGA QUE FAZ ESSE POVO SAMBAR

Com o enredo “Senhoras do ventre do mundo”, desenvolvido pelo carnavalesco Alex de Souza, o Salgueiro será a quarta escola a desfilar na segunda-feira de carnaval, na Marquês de Sapucaí. Na busca pela décima conquista de sua história, a Academia vai atrás do título que não vem desde 2009.

Por Antonio Junior

 

Anúncios

um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s