Arquivos da Categoria: Leandro Santos

COLUNA DO LEANDRO SANTOS: UMA CARTA AOS GUERREIROS DO SAMBA!

então deixa fluir

 

Aos guerreiros do samba, mais um ano, mais um ciclo se fechando…
Parabéns a todos nós!

Muitos estão comentando por aqui que o carnaval estacioirá começar, discordo, na verdade ele está quase terminando. Quem vive o samba intensamente sabe bem do que estou falando, um ciclo de 8 meses de ensaios, gravações, disputas de samba, shows, reuniões, estresses, tensões, cansaço , noites em claras, vai se fechando, nesse mix de compromissos e correrias a maior certeza que tenho é que a satisfação e amor de quem faz parte disso tudo é maior do que qualquer coisa. Ler mais

Anúncios

COLUNA DO LEANDRO SANTOS (Nº 06)

então deixa fluir

 

E lá vamos nós…estacio

Desculpem a demora meu povo, mas a correria está intensa, hoje já estamos em uma nova etapa, com o samba devidamente escolhido, gravado e para lançar, as escolas começam a se concentrar em seus ensaios técnicos e comerciais. Ler mais

COLUNA DO LEANDRO SANTOS (Nº 05)

LEANDRO

O momento tão esperando está chegando

Hoje venho aqui primeiramente agradecerestacio a todas as parcerias que escreveram suas obras
na primeira escola de samba do Brasil, e abrilhantou todas as sextas feiras a disputa de samba
no berço do samba, o empenho dedicação sem igual de cada um envolvido foi sem igual,
aos que ainda continuam parabenizo por estarem fazendo um trabalho de quadra fantástico
com grandes obras, foi bem dificil da nossa direção escolher nossos finalistas. Ler mais

COLUNA DO LEANDRO SANTOS (Nº 04)

LEANDRO

 O amor do Poeta por sua obra

Começou a disputa de samba, e cada um de nós temosleandro nosso sambas favoritos em nossas agremiações, com isso reaparecem muitos debates em redes sociais, sites especializados, e fóruns. Sou do lema do bom senso, infelizmente vejo muitas pessoas que desrespeitam e fazem comentários infelizes sobre determinadas obras, para elogiar a sua favorita, sinceramente não acho certo, respeito a opinião de todos, mas temos que lembrar que é um curto período, e independente de gostarmos ou não apenas uma obra dentre várias que vence sendo ou não de sua preferência, ela que será o hino, e de toda forma todos os envolvidos e amantes da escola terão que abraçar e seguir para os próximos passos de sua agremiação. Ler mais

COLUNA DO LEANDRO SANTOS (Nº 03)

LEANDRO

Escolas de samba mirim o primeiro passo para muitos de nós sambistas.

Nosso futuro, os frutos que o samba plantou e leandrocolherá lá na frente, sim são nossas crianças,elas desfilam em seus segmentos com todo encanto, magia e fazem bonito na avenida abrilhantando ainda mais esse espetáculo que encanta a todo mundo.

O interesse vindo de cada criança que desfila nos faz ter cada vez mais certeza que o nosso samba nunca irá morrer e sempre estará bem representado, pois vemos todo ano um show a parte de cada um deles, se dedicando, e amando estar ali representando sua agremiação de coração. Ler mais

COLUNA DO LEANDRO SANTOS (Nº 02)

LEANDRO

 

Recomeço de mais uma disputa de samba…

Depois da maioria das sinopses terem sido entregues leandroaos compositores, chegou a hora que muitos sambistas aguardam ansiosos, a reabertura das disputas de samba.

Temos um mix de emoção, adrenalina, alegrias, tristezas, polêmicas… é um dos momentos mais importantes do carnaval, pois são nesses meses que as escolas escolhem seu hino para seu próximo desfile.

Muitas pessoas que assistem superficialmente não sabem o quanto é intensa uma disputa de samba. São várias semanas onde os poetas além de se entregarem de corpo e alma tem que se dedicar de várias formas para terem seus sambas dentre os favoritos. Ler mais

COLUNA DO LEANDRO SANTOS (Nº 01)

então deixa fluir

 

O samba, sua origem e diversidade brasileiramente apaixonante

Nada mais justo do que começar essa coluna leandroem falar um pouco do ritmo que embala esse nosso grande Brasil e encanta ao mundo..

Mas como surgiu esse gênero musical tão característico da nossa terra?

O samba vem de semba, ritmo que os escravos tocavam nas senzalas. Aqui no Brasil o samba nasceu na Bahia, no século 19, da mistura de ritmos africanos. Mas foi no Rio de Janeiro que ele criou raízes e se desenvolveu, mesmo sendo perseguido. Durante a década de 1920, por exemplo, quem fosse pego dançando ou cantando samba corria um grande risco de ir batucar atrás das grades. Isso porque o samba era ligado à cultura negra, que era malvista na época. Ler mais