Arquivos da Categoria: museu do samba

MUSEU DO SAMBA FECHA O ANO COM 125 DEPOIMENTOS EM ACERVO DE SEU CENTRO DE REFERÊNCIA

Salve, salve!

O ano de 2017 está chegando ao fim e o samba pode celebrar uma importante marca no quesito valorização de suas raízes. É que o Museu do Samba, localizado no bairro de Mangueira, na Zona Norte do Rio de Janeiro, chegou a 125 depoimentos gravados em seu projeto de salvaguarda da memória do samba. Ao longo deste ano, dez destes registros foram viabilizados a partir do projeto “Memória das Matrizes do Samba do Rio de Janeiro”, que faz parte do Programa Territórios Culturais RJ/Favela Criativa, da Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro, em parceria com a Light e a Agência Nacional de Energia Elétrica. Ler mais

Anúncios

NELSON SARGENTO FOI O PRIMEIRO A RECEBER SELO DOS CORREIOS EM COMEMORAÇÃO AO “CENTENÁRIO DO SAMBA”

Salve, salve!

Nelson Sargento foi o primeiro sambista a receber o selo comemorativo do Centenário do Samba, produzido pelos Correios. A cerimônia de lançamento do selo aconteceu no Museu do Samba, localizado no bairro de Mangueira, Zona Norte do Rio, na última sexta-feira, dia 14 de julho. O selo recebido pelo baluarte da Mangueira é um dos 90 mil exemplares que serão distribuídos em todo o Brasil – e em alguns países – e que entra para o rol de peças para colecionadores. Ler mais

FILHAS DE SAMBA E NELSON SARGENTO NA RODA DO MUSEU DE SAMBA, SEXTA, NA MANGUEIRA

Salve, salve!

A próxima sexta-feira, dia 14 de julho, será pra lá de especial no Museu do Samba. Com homenagem a Nelson Sargento (e canja do homenageado), acontecerá a tradicional roda de samba mensal, desta vez sob o comando do grupo “Filhas de Samba”, que estreia no cenário musical carioca. Durante o evento, haverá ainda o lançamento do selo dos Correios em comemoração ao centenário do samba. A programação começa às 19h, tem entrada gratuita e classificação livre.

Com um repertório composto por muito partido alto e samba de terreiro, o grupo “Filhas de Samba” é formado por seis cantoras: Aninha Portal, Cassiana Pérola Negra (filha da lendária Jovelina), Flávia Saolli, Ircea Pagodinho (irmã de Zeca), Janaína Reis e Regina Mazza. No roteiro do show estão sucessos consagrados por bambas como Jovelina Pérola Negra, Zeca Pagodinho, Cartola, Candeia, Clara Nunes e Fundo de Quintal, entre outros. Homenageado pelo grupo, Nelson Sargento também entra na roda para uma participação especialíssima. Ler mais

LINS IMPERIAL PROMOVE PALESTRA DE APROFUNDAMENTO DO ENREDO NO MUSEU DO SAMBA NESTE SÁBADO

Salve, salve!

Com o intuito de garantir uma boa safra de sambas-enredo para o Carnaval 2018, no qual levará para Intendente Magalhães o enredo “ZiCartola”, a Lins Imperial através do seu Departamento Cultural promoverá no próximo sábado, 1º de julho, a partir das 14 horas, em parceria com o Museu do Samba o “Vivência Cartola”, um encontro que visa um aprofundamento do tema escolhido como enredo para o próximo Carnaval. Ler mais

MUSEU DO SAMBA GRAVA DEPOIMENTOS DE TIA SULUCA DA MANGUEIRA E IRENE 15 DA PORTELA NESTE SÁBADO

Salve, salve!

Dando prosseguimento ao projeto de salvaguarda da memória do samba, o Museu do Samba recebe no próximo sábado, dia 1° de julho, duas grandes damas do samba carioca para gravação no projeto “Memória das Matrizes do Samba do Rio de Janeiro”. O projeto, parte do Programa Territórios Culturais RJ/Favela Criativa, da Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro em parceria com a Light e a Agência Nacional de Energia Elétrica, recebe Tia Suluca, presidente de honra da ala das baianas da Estação Primeira de Mangueira, e Irene 15, ex-porta bandeira da Portela na década de 1970. Elas contarão histórias, curiosidades e falarão de suas trajetórias no Carnaval e no cotidiano de suas escolas do coração.  Ler mais

PROJETO “MEMÓRIA DAS MATRIZES DO SAMBA” REALIZA GRAVAÇÕES NESTE SÁBADO, NO MUSEU DO SAMBA

Salve, salve!

 

No próximo sábado, dia 10/6/17, no Museu do Samba, serão realizadas gravações, pelo projeto “Memória das Matrizes do Samba do Rio de Janeiro”, com Valci Pelé,  o grande incentivador da lei que institui o dia do passista, que passou a ser popularmente conhecida como “Lei Valci Pelé”,  consagrado dançarino, responsável pela ala de passistas da Portela desde 2005, que dará seu depoimento às 10h. Ler mais

GRUPO ARRUDA COMANDA RODA NO MUSEU DO SAMBA, COM PARTICIPAÇÃO DE DORINA

Salve, salve!

O grupo Arruda comanda a roda de samba mensal do Museu do Samba, no bairro de Mangueira, na próxima sexta-feira, dia 10 de março, a partir de 18h. Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher (celebrado anualmente em 8 de março), o show terá a participação especial da cantoraDorina. No repertório, muito samba de raiz, partido alto, samba de terreiro e sambas de enredo, com apresentação de grandes clássicos do gênero e composições da discografia do Arruda e de Dorina. Ler mais

NILCEA FREIRE ASSUME DIREÇÃO DO MUSEU DO SAMBA

Salve, salve!nilcea

Ex-ministra da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, Nilcea Freire é a nova diretora-executiva do Museu do Samba. A gestora assume o cargo anteriormente ocupado por Nilcemar Nogueira, neta de Cartola e Dona Zica e fundadora do museu. Nilcemar desligou-se da função desde que tornou-se Secretária Municipal de Cultura do Rio de Janeiro.  Ler mais

GRUPO ARRUDA COMANDA RODA NO MUSEU DO SAMBA NESTA SEXTA, DIA 3, COM ENTRADA GRATUITA

Salve, salve!grupo-arruda

O grupo Arruda comanda a primeira roda de samba do ano realizada pelo Museu do Samba, no bairro de Mangueira, na próxima sexta-feira, dia 3 de fevereiro. Com entrada gratuita e classificação livre, a roda de samba começa às 18h e vai celebrar a posse da nova diretora-executiva do Museu do Samba, Nilcéa Freire. A dirigente chega para suceder Nilcemar Nogueira, neta de Cartola e Dona Zica e fundadora da instituição. Nilcemar deixou a direção do Museu para assumir o cargo de Secretária Municipal de Cultura do Rio de Janeiro.

O Arruda traz na formação Maria Menezes (vocal), Nego Josy (vocal e pandeiro), Anderson Popó (percussão geral), Gustavo Palmito (percussão geral), Marcelinho (tantan), Fabão Araújo (surdo), Armandinho do Cavaco (cavaco) e Vitor Budoia (violão). Referências da nova geração do samba de raiz, os sambistas levam para o Museu seu repertório de músicas autorais, como “Guerreiros do bem” e “Arriba saia”, além de sucessos de seus shows, como “Batucada do Arruda”, “Corrente do samba” e “Loucuras de amor. Para a show em terras mangueirenses – onde os músicos de Vila Isabel despontaram e começaram a ganhar projeção -, o público será brindado ainda com clássicos de Cartola, entre eles “O mundo é um moinho” e “As rosas não falam”.

SERVIÇO:

  • SHOW/GRÁTIS – Grupo Arruda no Museu do Samba
  • Data: 03 de fevereiro de 2017 (sexta-feira)
  • Local: Museu do Samba
  • Endereço: Rua Visconde de Niterói, 1296 – Mangueira
  • Horário: 18h
  • Entrada: GRÁTIS
  • Tel: (21) 3234-5777
  • E-mail: contato@museudosamba.org.br
  • Classificação: LIVRE

Curta

MUSEU DO SAMBA RECEBE CERTIFICADO DO IPHAN COMO CENTRO DE REFERÊNCIA DAS MATRIZES DO SAMBA NO RIO

Salve, salve!museu

O Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), órgão do Ministério da Cultura, reconheceu o Museu do Samba como centro de referência das matrizes do samba do Rio de Janeiro. Em evento que acontece nesta sexta-feira, 13 de janeiro, às 10h, no Museu do Samba (Rua Visconde de Niterói, 1296, em Mangueira), a instituição recebe a certificação do Iphan, que homenageará ainda alguns sambistas cariocas e a Associação da Velha Guarda das Escolas de Samba do RJ. A cerimônia marca também a abertura das comemorações de 80 anos do Iphan. Ler mais

« Entradas mais Antigas